PLANTAS TÓXICAS
Em algum grau, toda planta apresenta alguma toxicidade, mas a denominação plantas tóxicas se aplica àquelas cuja ingestão ou contato provoca sintomas de intoxicação. A intoxicação consiste em uma série de efeitos sintomáticos produzidos quando uma substância tóxica é ingerida ou entra em contato com a pele, olhos ou mucosas . Pela diversidade dessas plantas que vivem ao nosso redor, como plantas ornamentais nas residências, nos jardins e parques, cultivadas ou na sua forma silvestre. Deste modo, fica evidente o risco de intoxicação tanto para o homem como para os animais.
A importância do grupo das plantas tóxicas, não está somente nos riscos que possam causar, mas também dos benefícios que podem proporcionar , já que os princípios ativos são o que determina a ação de ambos os tipos, e há plantas medicinais que são tóxicas se ingeridas em excesso


LED Scroller Generator

As informações aqui contidas não têm caráter de aconselhamento e muito menos de diagnóstico. Consulte sempre um profissional da saúde nos locais aqui divulgados

TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Pesquisar este blog

VOCABULÁRIOS DE TERMOS TÉCNICOS

VOCABULÁRIOS DE TERMOS TÉCNICOS
Clique para consultar

sexta-feira, 19 de junho de 2009

AÇÃO DOS COMPONENTES TÓXICOS DAS PLANTAS



lesões mais comuns

1.ALCALÓIDES
Compostos que contém nitrogênio e de gosto muito amargo. Afetam os seguintes órgãos:
a.Sistema Nervoso: Estimulante, tranqüilizante, convulsões, espasmos e dor, dilatação pupuilar e ação no músculo cardíaco.,
b.Sistema Digestivo:Irritações na mucosa gástrica, diarréias, vômitos e comprometimento hepático;
c.Sistema Circulatório: Alteração da pressão;
d.Sistema Respiratório: Dilatar os brônquios, aumento da respiração, parada respiratória;
e.Psicotrópicos: Afetam a mente e a percepção

2.GLICOSÍDIOS
São derivados de açucares.
a.Glicosídeos cianogenéticos: Quando hidrolisado produz o ácido cianídrico. Impede a respiração celular, vômitos, debilidade nos membros, visão turva, convulsões, perda de consciência, parada cardiorespiratória, chegando a morte.
b.Glicosídeos cardíacos: Atuam no músculo cardíaco, aumentando a potencia dos ritmos, isto é, taquicardia e até parada cardíaca.

3.TANINOS
São compostos polifenólicos, muito adstringente e de sabor amargo. Agem no sistema digestivo, causando diarréias, dores estomacais, dor de cabeça e outras.

4.OXALATOS
Quando ingerida, há uma combinação entre o oxalato de sódio do vegetal, com o oxalato de cálcio e magnésio do organismo, causando: Mal estar, corrosão da mucosa; , irritação da boca, gengiva e estomago; vômitos, diarréias, problemas respiratórios.

5.FITOTOXINAS
Exercem função fototóxica. Causam lesões na pele quando reagem com a luz solar, manifestando-se como dermatites, lesões cutâneas e manchas.

6.AZEITES ESSENCIAIS
Afetam a pele externamente produzindo dermatites. Afetam também o sistema nervoso central, o fígado e tem efeito abortivo em mulheres grávidas.

7.SAPONINAS
São glicosídeos vegetais que se caracteriza por produzir espumas quando misturado com a água. Ingeridas podem causar: Irritação na mucosa digestiva, vômitos, dos de estomago, hemorragias, tonturas.

8.RESINAS
Resina é uma secreção formada especialmente em canais de resina de algumas plantas como, por exemplo, árvores coníferas. Numa ferida na casca da árvore, a resina escoa lentamente, endurecendo por exposição ao ar.. As plantas produzem resinas por várias razões, para cicatrizarem as feridas da planta, matam insetos e fungos, e permitem que a planta elimine acetatos desnecessários.

9.MINERAIS

10.COMPOSTOS SENSIBILIZANTES

Formatação e pesquisa: Helio Rubiales

Nenhum comentário:

Postar um comentário